25 junho 2009

Texto do Curso de Comunicação Social/Jornalismo sobre o fim da exigência do diploma

O seguinte texto foi elaborado em reunião dos docentes do Curso de Comunicação Social/Jornalismo da Universidade Federal de Viçosa com a presença de representantes discentes. O CACOM demonstra apoio à atitude da comissão coordenadora do curso publicando o texto em seu espaço, estando de acordo com suas palavras.
Carta de repúdio à decisão do STF em revogar a exigência
do diploma para o exercício da profissão de jornalista
A obrigatoriedade do diploma era um dos (poucos) instrumentos para a melhoria da qualidade da informação jornalística no Brasil. Entendemos que a decisão do STF representa uma perda para a sociedade.
Assistimos, durante o julgamento, a frágeis argumentos que estávamos acostumados a ouvir apenas das grandes corporações de mídia, agora reproduzidos pelos membros da mais alta corte judiciária do País.
Neste sentido, os professores e os alunos do Curso de Comunicação Social/habilitação Jornalismo da Universidade Federal de Viçosa vêm a público manifestar profundo repúdio à forma desrespeitosa como a categoria foi considerada pelos membros do Superior Tribunal Federal.
Viemos reafirmar nossa certeza da relevância do ensino, da pesquisa e da extensão na qualificação do jornalista. O Curso de Comunicação Social/Jornalismo da UFV reitera seu empenho em formar profissionais éticos, críticos, qualificados e comprometidos com a sociedade.
Curso de Comunicação Social/Jornalismo da Universidade Federal de Viçosa

Um comentário:

  1. Endosso o repúdio!
    Favoritei aqui.
    Abraço, galera

    ResponderExcluir